Personagens Femininas Fortes da Literatura, Televisão e Cinema


Decidi pegar neste desafio que encontrei na internet e usá-lo aqui.

I want to compile a list of strong female lead characters from sci-fi, fantasy and action media– literature, film, television. I do have a few restrictions–

  • No co-star/ensemble leads. They must be the definitive lead, no True Lies or The Incredibles, or Mr. & Mrs. Smith style answers, please.
  • No Damsel in Distress syndrome. It’s fine if a man comes to their aid once, maybe twice, but ultimately they must be strong enough to get themselves out of their own scrapes.
  • No anime. Sorry, but the anime sub genre is a whole separate focus.
  • No comic book or videogames exclusive characters. Again, whole separate focus.
  • No children. Teenagers and up, only. I reserve the right to alter this rule in one direction of the other.
  • No “sex pots.” Good rule of thumb–if each breast is roughly the size of their head, or they perform a strip tease for no good reason–don’t suggest them.

 

Vou recordar apenas duas (óbvias ) personagens do cinema, mas espero que tragam mais. Será uma boa forma de recordar e reflectir sobre personagens que quebraram muitos dos estereótipos que ainda hoje surgem como um estigma. Atenção! Não pretendo personagens tipo Barb Wire nem duplas! 

 

 

Ellen Ripley ( Sigourney Weaver – Alien ) Definida como “one of the first female movie characters who isn’t defined by the men around her, or by her relationship to them”, esta é uma personagem incontornável quando se fala de personagens “fortes”e de ficção cientifica. Esta “heroína improvável” é empurrada pelas circunstâncias e acaba por ter sucesso onde nem os duros “space marines” ou “double-Y”conseguem, enfrentando uma das “piores espécies do cinema”, sem nunca perder as marcas da sua feminilidade. Muitas vezes movida pelo puro instinto de sobrevivência, Ripley também revela inteligência, adaptabilidade, um feroz desejo de “acertar contas” e até instintos maternais – veja-se o salvamento desesperado de Newt em Aliens. 

 

 

Yu Shu Lien (Michelle Yeoh) Um pouco esquecida, esta personagem teve a “sorte” de ser encarnada pela Michelle que lhe empresta uma férrea serenidade. Confiança, altruísmo, honra, talento, sabedoria e força não lhe faltam. A sua  relação com Li Mu Bai é retratada com grande beleza e sem os “disparates parvo-românticos” do costume. Uma mulher que, sendo vulgar, não o é.

 

 

No panorama nacional é muitíssimo difícil encontrar personagens que “encaixem” neste escrutínio. Assim de memória, apenas me lembro de uma. 

 

 

Calédra Denaris ( Goor – A Crónica de Feaglar ) – Mesmo sendo referida como extremamente bela, não faz dessa característica uma “arma de destruição maciça” e é por isso que não é excluída – razão que leva, por exemplo, Lara Croft a o ser. Atraiçoada, incapaz de salvar os filhos, encarcerada, deixada para morrer, Calédra resiste a tudo, apesar de isso deixar profundas marcas no seu carácter algo volúvel – oscilando entre a vilania e a heroicidade, o que lhe dá autenticidade. Vaidosa, prepotente, talentosa e temerária, este “uplift” de uma raça já por si “superior”( sem feitiçarias ou passes de mágica ) surge como um volte-face no enredo e assume um protagonismo pouco usual num Género em que as mulheres geralmente não passam da princesa chorosa e tremente. 

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Cinema, Literatura, Televisão com as etiquetas , , , , , . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s